Cadastro Único do Governo Federal

O Cadastro Único 2021 para Programas Sociais do Governo Federal, chamado muitas vezes apenas de CadÚnico, é uma ferramenta que visa identificar as famílias de baixa renda no Brasil para que elas possam obter auxílios e participar de programas que visam diminuir a desigualdade socioeconômica no país.

Atualmente é o principal mecanismo utilizado por programas de redistribuição de renda e assistenciais para a seleção de beneficiários e, portanto, é importantíssimo para as famílias brasileiras.

cadastro único
CadÚnico Conhecer para incluir

O que é o Cadastro Único 2021?

Com o slogan de “Conhecer para incluir”, o Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal é um instrumento que identifica e caracteriza as famílias de baixa renda no Brasil.

Por meio do entendimento da realidade socioeconômica das famílias do país, as três esferas de governo – federal, estadual e municipal – podem agir para entender as principais necessidades do povo e direcionar recursos para que políticas públicas sejam elaboradas e implantadas para promover a melhoria da vida dessas pessoas.

Embora isso seja verdade, a mera inclusão no CadÚnico não garante a participação das famílias nos programas sociais e políticas públicas. Cada família tem sua situação socioeconômica analisada de forma individual para que possa obter determinado benefício.

Quem pode se cadastrar?

O CadÚnico é destinado para famílias que são caracterizadas como sendo de baixa renda, sendo aquelas que possuem:

  • renda per capita de até meio salário mínimo; ou
  • renda familiar total de, no máximo, três salários mínimos.

Além deste público, famílias que não se enquadrarem em um destes critérios de renda podem ser cadastradas. Entretanto, para isso, é necessário participar ou pleitear algum programa ou serviço ofertado. Embora isso possa ocorrer, a prioridade são, realmente, aquelas de baixa renda.

quem pode fazer CadÚnico
Benefícios do Cadastro Único

Quais são os Benefícios do Cadastro Único 2021?

O Cadastro Único tem papel importantíssimo nas três esferas do governo para a seleção de participantes de várias ações e programas sociais no país. Por isso é impossível listar todos os benefícios que o CadÚnico 2021 pode trazer, mas citaremos os mais importantes a nível federal:

  • Auxílio Brasil(substituto do Bolsa Família)
  • Auxílio Emergencial(durante a pandemia do COVID-19)
  • Benefício de Prestação Continuada
  • Tarifa Social de Energia Elétrica
  • ID Jovem
  • ENEM
  • Programa Minha Casa, Minha Vida
  • Carteira do Idoso
  • Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti
  • Aposentadoria para pessoa de baixa renda
  • Telefone Popular
  • Crédito Instalação
  • Carta Social
  • Serviços Assistenciais
  • Isenção de Taxas em Concursos Públicos
  • Políticas de Ação Afirmativa
  • Programa de Cisternas
  • Água para Todos
  • Bolsa Verde (Programa de Apoio à Conservação Ambiental)
  • Bolsa Estiagem
  • Programa Nacional de Reforma Agrária
  • Programa Nacional de Crédito Fundiário
  • Programa Brasil Alfabetizado

Porém cada um deles possui suas próprias regras de participação e seu próprio método de seleção. Então é importante conhecer cada um dos benefícios do Cadastro Único 2021 para que, assim, o cidadão possa ter acesso facilitado aos seus direitos.

Como fazer a inscrição no Cadastro Único 2021?

O primeiro passo para fazer a inscrição e requisitar algum benefício vinculado a ele é procurar o CRAS para orientar-se sobre os procedimentos necessários para fazer a inscrição no seu município. Normalmente o passo a passo abaixo é o que precisa ser seguido na maioria das cidades do Brasil:

  1. Faça o agendamento para cadastramento;
  2. Compareça ao local de cadastramento na data e horário marcados levando a documentação de todos os membros da família;
  3. Responda a perguntas sobre as características da família e do domicílio;
  4. Leia todo o formulário preenchido e assine caso esteja tudo de forma correta.

O responsável familiar deve ter, no mínimo, 16 anos e a preferência é que seja uma pessoa do sexo feminino. Além disso, é preciso que esta conheça bem e saiba responder perguntas sobre o domicílio, além de residir neste.

Atenção!

Cada município é responsável por planejar ações e fazer o atendimento dos cidadãos, portanto o procedimento pode variar de cidade para cidade. O ideal é que procure o CRAS e peça orientações para entender melhor como fazer a inscrição no Cadastro Único no seu município.

Como fazer o Cadastro Único
documentos necessários para inscrição

Documentação necessária

Os documentos necessários para fazer a inclusão cadastrão são:

  • CPF ou Título de Eleitor para o responsável familiar; e
  • Um documento qualquer dos demais membros da família, podendo ser: CPF, Título de Eleitor, Certidão de Nascimento, Certidão de Casamento, Carteira de Identidade(RG) ou Carteira de Trabalho.

Para família indígenas ou quilombolas não é necessária a apresentação do Título de Eleitor ou do CPF para o responsável familiar. Então os documentos necessários para qualquer membro da família ficam sendo:

  • CPF;
  • Título de Eleitor;
  • Certidão de Nascimento;
  • Certidão de Casamento;
  • Certidão Administrativa de Nascimento do Indígena (RANI);
  • Carteira de Identidade(RG); ou
  • Carteira de Trabalho.

Atenção!

Mesmo que não apresente todos os documentos necessários, a orientação é que o cadastramento seja realizado. Porém somente pode ser concluído após a apresentação de todos eles.

Documentação complementar

Para facilitar e agilizar o cadastramento, o beneficiário pode levar alguns documentos que comprovem algumas situações. Os documentos complementares mais importantes neste sentido são:

  • Contracheque ou holerite das pessoas que estiverem trabalhando;
  • Comprovante escolar das pessoas que estiverem estudando; e
  • Comprovante de endereço(conta de água, conta de energia elétrica, conta de internet, contrato de aluguel, etc.).

Embora auxilie, a documentação complementar nunca pode ser solicitada como sendo obrigatória

Como consultar o Cadastro Único 2021?

A consulta ao sistema para saber informações cadastrais pode feita de diversas formas. A principal delas é por meio do Meu Cadúnico (meucadunico.cidadania.gov.br), um portal criado pelo Governo Federal para que os cidadãos possam fazer esta consulta ao dados online. Para fazer a busca por nome é necessário preencher um formulário com o nome completo, data de nascimento, nome da mãe e selecionar a unidade federativa e o município de cadastramento.

Porém existem outras formas de ter acesso às informações contidas no Cadastro Único 2021, sendo estas:

  • Por meio de ligação telefônica: o cidadão que quiser verificar seus dados e ter mais informações sobre os benefícios aos quais possui direito pode entrar em contato pelo telefone 121(número do Ministério da Cidadania).
  • Através do aplicativo: O Meu CadÚnico possui app para Android e para iOS, por isso é possível fazer o Cadastro Único consulta online por meio de um Smartphone com o apk.
  • Com o gestor municipal: também é possível solicitar a Folha Resumo do Cadastro Único junto à gestão municipal do sistema. Ela conterá as informações mais importantes para o cidadão, como o número do NIS e a renda per capita familiar.

Por isso o acesso aos dados cadastrais pode ser considerado como fácil para a maioria da população.

Cadastro Único Consulta Online
Atualizar Cadastro Único

Atualização cadastral

Um grande número de pessoas desconhece ou esquece do fato de que é preciso atualizar o Cadastro Único sempre que houver alguma modificação nos dados informados e muitas famílias acabam tendo alguns problemas com o recebimento de benefícios.

Por isso é preciso informar ao setor responsável novas informações como:

  • nascimento de um filho;
  • mudança de casa;
  • mudança de trabalho;
  • pessoa que mudou da residência;
  • novo integrante familiar;
  • mudança de escola;
  • morte de uma pessoa na família;
  • entrada da criança na escola;
  • alterações na renda familiar;
  • entre outros.

Além disso, é preciso fazer a atualização cadastral mesmo que não tenha nenhuma modificação nas informações cadastrais e isto deve ser ocorrer a, no máximo, cada dois anos.

FAQ – Perguntas Frequentes